Tecnologia na segurança: 6 avanços que estão revolucionando a segurança eletrônica

O Brasil é um país inseguro. Esse é um fato que, infelizmente, está longe de mudar, visto que as medidas tomadas pelos setores responsáveis nunca atacam as raízes do problema. Nesse contexto, as práticas de segurança privada têm recorrido à tecnologia para enfrentar a criminalidade.

Alguns anos atrás, bastava um circuito interno de câmeras, alarmes e portões de segurança e achava-se que o patrimônio estaria protegido. No entanto, as técnicas e ferramentas aplicadas para cometer crimes estão mais aprimoradas. É por isso que o uso da tecnologia na segurança cresce vertiginosamente. Quer saber mais sobre a sua importância, quais os principais equipamentos e os benefícios de usá-los? Continue a leitura!

Saiba qual é a importância da tecnologia na segurança

O aparato tecnológico agregou novas maneiras de proteger residências, empresas, condomínios e, inclusive, as ruas e espaços públicos. Atualmente, é possível ter acesso às câmeras de segurança da sua casa, por telefone, mesmo que você esteja em outro país. Basta ter uma boa conexão de internet.

Antigamente usava-se trancas; hoje é primordial que se faça o reconhecimento biométrico. Portanto, a tecnologia tem sido crucial para prevenir e a combater a criminalidade, além de auxiliar a identificar criminosos por meio do cruzamento de dados e até da identificação facial.

Conheça 6 avanços que estão revolucionando a segurança eletrônica

Uma pesquisa feita em 2020 pela Associação Brasileira das Empresas de Segurança Eletrônica (Abese) aponta que as tecnologias mais buscadas para aprimorar a seguridade são: reconhecimento facial e câmeras térmicas. Essas últimas, inclusive, ajudam a detectar altas temperaturas corporais, como no caso de pessoas com febre.

Veja alguns equipamentos que estão revolucionando a segurança eletrônica!

1. Reconhecimento facial

Se você tem um smartphone que é desbloqueado quando colocado em frente ao seu rosto, sabe como funciona o reconhecimento facial. Essa é uma forma de identificação biométrica, que ajuda a manter desconhecidos e pessoas não autorizadas longe do seu patrimônio.

Na segurança pública, muitos estados e países utilizam a tecnologia para identificar criminosos no meio da multidão. Em casos de ataques terroristas, por exemplo, ela ajuda a buscar no banco de dados rostos dos suspeitos e reconhecê-los. O mecanismo reconhece pontos característicos da face e os armazena em uma base de informações.

2. Reconhecimento de placas

O sistema de reconhecimento de placas é outro grande avanço que contribui para evitar a entrada de veículos indesejados ou não autorizados dentro de um perímetro. Além disso, ajuda a identificar carros que tenham sido roubados e estejam trafegando pelas ruas e estradas.

Esse modelo é usado para reconhecer as placas de automóveis que cometem algum tipo de infração em vias públicas. Por exemplo, aqueles que excedem a velocidade permitida ao passar por radares. A dinâmica da identificação de placas é parecida com a de rostos. O sistema é induzido a distinguir os caracteres e armazená-los.

3. Fechadura digital

Não é raro ver na televisão cenas de arrombamento em que os criminosos simplesmente burlam a fechadura e pronto! Estão dentro. A fechadura digital previne esse perigo. Existem inúmeros modelos no mercado com reconhecimento de voz, cartão magnético, abertura com digital, alarme de intrusão, sensor de calor, etc. O que não faltam são possibilidades.

4. Cerca virtual

É uma ferramenta altamente usada para melhorar e prevenir a logística de certas modalidades de transporte, como a de carga. A cerca virtual é uma delimitação geográfica feita para que o veículo só seja autorizado a circular por determinadas rotas.

Quando algo inesperado acontece os gerentes e responsáveis são alertados. Assim, se comunicam com o motorista para entender a situação. Se ocorrer roubos ou furtos, a localização é passada imediatamente para as autoridades para que elas tomem as providências para a recuperação.

5. Portaria virtual

Controle de acesso via reconhecimento biométrico ou cartão magnético, por exemplo. É assim que funciona a portaria virtual. Com um cadastramento de todas as pessoas autorizadas em um sistema de permissão, intrusos e desconhecidos são impedidos de entrar no local — tudo isso sem precisar de um profissional de portaria.

Os visitantes devem manter a comunicação com os autorizados para que seja permitida a entrada no condomínio ou prédio.

6. Drones de monitoramento

Grandes áreas abertas, como plantações ou plantas industriais, eram extremamente difíceis de monitorar. Isso até a chegada dos drones na segurança. Os aparelhos aéreos não tripulados são equipados com câmeras e controlados a distância.

As imagens são transmitidas e armazenadas em uma central de monitoramento, que acompanha e controla movimentações suspeitas. O uso desse equipamento deve seguir as regras da Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC) porque, por estarem no espaço aéreo, podem causar acidentes. No entanto, o uso correto tem ajudado a cobrir áreas maiores.

Entenda quais são os benefícios da tecnologia na segurança

A tecnologia tem como principal objetivo, em qualquer setor em que esteja inserida, otimizar e facilitar os processos, sem que haja perda de eficiência. Na segurança eletrônica não é diferente. Veja alguns benefícios da tecnologia na segurança!

Precisão

Com a contribuição desses e de outros avanços tecnológicos, as rotinas de segurança se tornam potencialmente mais precisas, já que os equívocos humanos são menores. Sem contar que o machine learning, por exemplo, tem contribuído para o reconhecimento de padrões automaticamente.

Economia

Além de melhorar os processos e os resultados, a tecnologia garante economia no setor de seguridade patrimonial. Primeiramente, tais ferramentas devem ser consideradas investimento. Depois, a mão de obra operacional é reduzida substancialmente com segurança para ampla utilidade das ferramentas tecnológicas.

Customização

Existe uma variedade de equipamentos que atendem aos mais diversos perfis. Um drone de monitoramento é eficaz para quem deseja proteger grandes áreas. A portaria virtual é recomendada para condomínios e prédios. Portanto, é preciso identificar as necessidades e então relacionar os melhores aparelhos e suas aplicabilidades.

A tecnologia na segurança está revolucionando o setor e traz soluções eficientes para vários públicos. Na esteira dessas mudanças ganham as pessoas, que conseguem proteger de maneira abrangente sua família e seu patrimônio. No entanto, é interessante manter a mente aberta, porque ao que tudo indica as novidades não param por aqui.

Quer entender mais sobre segurança e controle de acesso? Leia o artigo que fizemos sobre o tema e saiba mais!

Compartilhe: